Notícias

IBEC comemora 39 anos e o Dia Nacional do Engenheiro de Custos

12 de julho de 2017

img01
O autor da Lei do Dia Nacional do Engenheiro de Custos, ex-deputado federal Edinho Bez, recebendo uma homenagem

Este ano, o IBEC – Instituto Brasileiro de Engenharia de Custos comemorou seus 39 anos com um toque especial. Celebrado desde 2007, segundo a Lei Estadual 4.905/2006-RJ, o Dia do Engenheiro de Custos, desta vez, foi festejado a nível nacional. Sancionada no dia 22 de junho e de autoria do ex-deputado federal Edinho Bez (PMDB-SC), a Lei Federal nº 13.453/2017 tem como objetivo principal valorizar esse ramo das engenharias que cuida do custo de uma obra ou serviço.

Durante a solenidade, o ex-deputado federal Edinho Bez e os autores da lei no âmbito do estado do Rio de Janeiro, deputados estaduais Paulo Ramos e Luiz Paulo Corrêa da Rocha, foram os principais homenageados da noite de 04 de julho, no Clube de Engenharia de Brasília – CEnB. Eles foram agraciados com o Troféu Brasilidade, concedido a personalidades que se destacaram através de ações pelo desenvolvimento de nossa nação.

“Estamos muito felizes com a aprovação da lei do Dia Nacional do Engenheiro de Custos e agradecidos aos três deputados, que exerceram papel fundamental na criação dessa lei que valoriza não apenas o profissional da área, mas da Engenharia como um todo. A homenagem é mais que merecida”, afirmou o presidente do IBEC e diretor do ICEC para as Américas, Paulo Roberto Vilela Dias, MSc-UFF e CRK-IBEC/ICEC.

Estiveram presentes os vice-presidentes José Chacon de Assis, Fernando José da Rocha Camargo e Raphael Albergarias, além do diretor de relações institucionais, José Roberto Leiros, dos diretores regionais Beatriz Vargas (IBEC Campinas e Faculdade IBEC), Inaiara Barcelos (IBEC São Paulo), Wilton Baptista (IBEC Belo Horizonte), Márcio Soares da Rocha (IBEC Fortaleza) e Paulo Eduardo Vieira (IBEC Brasília), da diretora do IBEC Social, Fátima Rodrigues, e do diretor comercial da Pós-Graduação, Marcelo Corado.

Na ocasião, José Chacon de Assis, CRK-IBEC/ICEC, falou sobre o programa de certificação profissional do IBEC, acreditado internacionalmente pelo ICEC (International Cost Engineering Council), o qual denota mais uma conquista para os profissionais brasileiros das áreas de Custos e Projetos, que já podem contar, em seu país, com um programa de certificação legítimo, proporcionando um diferencial competitivo e a valorização de suas competências.

Durante o evento o IBEC apresentou a modernização de seu logotipo, fortalecendo uma imagem sólida e homogênea, e seus novos mascotes, o João-de-Barro e a Joana-de-Barro. Ao final da cerimônia, os convidados receberam as pelúcias dos mascotes.

Os demais homenageados com o Troféu Brasilidade foram os presidentes de Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia (CREAs), entre os quais estiveram presentes o presidente do CREA-RO, Nélio Alzenir Afonso Alencar; o Presidente do CREA-PI, Paulo Roberto Ferreira de Oliveira; o Presidente do CREA-PR, Joel Krüger (representado por seu vice-presidente Cassio José Macedo); o Presidente do CREA-CE, Victor César da Frota Pinto; o presidente do CREA-SE, Arício Resende Silva; o Presidente do CREA-MG, Jobson Nogueira de Andrade; o presidente do CREA-SP, Vinicius Marchese Marinelli (representado por seu vice-presidente Edson Navarro); o presidente do CREA-BA, Marco Antonio Amigo; o presidente do CREA-DF, Flávio Correa de Sousa; o presidente do CREA-ES, Helder Carnielli (representado por seu 2º vice-presidente, José Antonio do Amaral Filho e seu Assessor José Maria Cola dos Santos); e o Presidente do CREA-PE, Evandro de Alencar Carvalho.

O IBEC homenageou, ainda, com o Troféu Brasilidade, o Senador Valdir Raupp; o Almirante Flávio Macedo Brasil (Diretor da Diretoria de Obras Civis da Marinha-DOCM); o presidente da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), José Alex Oliva; o presidente do Clube de Engenharia de Brasília, Helio Fausto de Souza Junior; e o presidente da Caixa de Assistência dos Profissionais do CREA (Mútua), Paulo Roberto Guimarães.

Os homenageados como Destaques do Ano foram os diretores da Mútua, Marcelo Moraes, Julio Fialkoski e Jorge Roberto Silveira; o presidente do Senge-DF (Sindicato dos Engenheiros no Distrito Federal), Brasil Américo Louly Campos; a Gerente de Relacionamentos Institucionais do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), Fátima Có; e o Secretário Nacional de Estruturação do Ministério do Turismo, Antônio Henrique de Carvalho Pires.

Também receberam homenagem como Destaques do Ano, Luiz Carlos Botelho Ferreira, presidente do Sinduscon-DF (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal); o Conselheiro Federal do Confea, Marcos Camoeiras; o diretor de Prospecção e Formatação de Novos Empreendimentos da Terracap, André Gomyde Porto; e o presidente da Federação Interestadual de Sindicatos de Engenheiros (Fisenge), Clovis Francisco do Nascimento.
Os autores de livros sobre custos foram especialmente homenageados com o Troféu João-de-Barro, por contribuírem de forma efetiva para o desenvolvimento da engenharia de custos em nosso país. Os agraciados presentes foram Mônica Spranger e Sérgio Conforto, autores dos livros “A Engenharia de Custos na Viabilidade Econômica”, “Estimativas de Custos de Investimentos para Empreendimentos Industriais” e “Controle de Custos de Implantação de Projetos Industriais”; André Kuhn, pelo livro “Qualidade e Licitação de Obras Públicas: Uma Análise Crítica”; Márcio Soares da Rocha, autor do livro “Auditoria Aplicada à Engenharia”; José Gilberto Campos, Flávio Correa de Sousa e José Tadeu da Silva, coautores do livro “Obras de Infraestrutura Urbana”; Cilene Marques Gonçalves, pelo livro “Custo sem Susto”; e Mário César Lopes Junior, autor do livro “Super Custo”.

O IBEC homenageou, ainda, a Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ, como Instituição de Ensino do Ano, representada pela vice-reitora Maria Georgina Muniz Washington. Na ocasião, a vice-reitora e o coordenador do Escritório de Projetos da InovUERJ, professor Antonio Carlos de Azevedo Ritto, receberam uma condecoração do IBEC em reconhecimento de seus esforços em prol de uma educação de valor.

A Empresa de Custos do Ano foi a Caixa Econômica Federal, representada por seu gerente nacional, Sergio Rodovalho. Ele também recebeu o reconhecimento pessoal do IBEC, juntamente com os profissionais Cristiano de Medeiros, Mauro Fernando Martins de Castro, Tatiana Thomé de Oliveira, Juliana Cunha Cardoso, Rômulo de Oliveira, Regiane Ballao, Ana Alice de Oliveira, Iris Luna Macedo, Alfredo Pedro de Alcantara Junior e Tassia Cordeiro.

A Personalidade do Ano foi o deputado federal Ronaldo Augusto Lessa, que preside a Frente Parlamentar Mista da Engenharia e Desenvolvimento, contudo ele não pôde comparecer. O Engenheiro de Custos do Ano foi o presidente do CREA-DF, Flávio Correa de Sousa. A Engenheira de Custos das Américas pelo ICEC foi a presidente boliviana da União Pan-americana de Associações de Engenheiros – UPADI, Maria Teresa Zapata.

Durante a cerimônia, a diretoria do ICEC para as Américas entregou os certificados de cargo aos membros da Diretoria do International Cost Engineering Council (ICEC) que estavam presentes. A Diretoria para as Américas no ICEC é composta pelos brasileiros Paulo Roberto Vilela Dias, Diretor do ICEC para as Américas; José Chacon de Assis, Vice-Diretor Regional para Relações Externas; Aldo Dórea, Vice-Diretor Regional de Marketing; e Heitor Luz, Secretário Regional; pela colombiana Diana Bula, Vice-Diretora Regional de Pesquisa Acadêmica; e pelo hondurenho José Calix, Vice-Diretor Regional de Desenvolvimento Profissional.

Após a solenidade, os convidados puderam apreciar o jantar e o bolo dos 39 anos do IBEC.

img02
Segurando a condecoração, estão os deputados estaduais do Rio de Janeiro, Paulo Ramos e Luiz Paulo Correa da Rocha

img03
O presidente do IBEC, Paulo Dias, com os novos mascotes do IBEC

img04

Os diretores regionais do IBEC com os membros da Diretoria

img05
Os autores de livro sobre custos que receberam o Troféu João-de-Barro, incluindo o Presidente do Confea, José Tadeu da Silva

img06
Os presidentes de CREA homenageados

img07
A vice-reitora da UERJ, Maria Georgina Muniz, recebendo a homenagem de Instituição de Ensino do Ano

img08
O gerente nacional da Caixa Econômica Federal, Sergio Rodovalho, recebendo a homenagem de Empresa de Custos do Ano à Caixa

img09
O Engenheiro de Custos do Ano, Flávio Correa de Sousa, presidente do CREA-DF

img10
Marcelo Moraes, o diretor da Caixa de Assistência dos Profissionais do CREA (Mútua), recebendo a homenagem de Destaque do Ano

img11
Os convidados da cerimônia